A casa dos grandes pensadores
 
 
 

DANIEL CRISTAL

 


 

 

DIA DA POESIA

Sei que não há dia para celebrar a Poesia
Porque ela nasce hoje, amanhã 
Ou seja em que dia for!
Como ainda sei que não é preciso 
Criar dia para celebrar 
seja o que for!

Todos os dias celebram o dia-a-dia com amor
(os Poetas não o ignoram)
Mesmo aquele em que há dor!

A reminiscência dos mágicos momentos
cresce no trabalho artesanal
e burila-se no esforço diário
suado
aparente ou fingidamente 
considerado como preguiça
manual

Ainda que amadureça durante dias, meses ou anos
Toda ela é génese e cristalização
Cerebral

Quando concluída
o mundo regressa ao ponto original
e o futuro fica tão límpido 
como a fonte virginal
- prenúncio dum avanço
fenomenal

Que ninguém se convença de 
qualquer outra sua negação
porque só o leitor se apercebe
se é ou não 
Genial.

Daniel Cristal

Publicação: www.paralerepensar.com.br  13/03/2006