A casa dos grandes pensadores

 

 
 

DANIEL CRISTAL

 


 

 

 
Há uma pítia ciciando:

De vez em quando, recebo do fundo da terra sinais, que não são mais do que mensagens estranhas, pela originalidade, e verbalizo-as, recorrendo às alturas celestes e celestiais. Algumas chegam em surdina, um acorde ressonante de vozes sibilinas, outras um vozeirão que incomoda os tímpanos, e com dificuldade as interpreto e amacio. Se as que são agradáveis, são fáceis de verbalizar, e delas me faço fiel intérprete, as outras precisam de muito trabalho e suor para serem entendidas e aperfeiçoadas. São as primeiras, a parte mais bela da Poesia; essa que sujeita à perfídia e à aleivosia, vos deixo como testemunho.
Todavia, quando vou ao ribeiro do Juncal, minha catedral, olho o açude que o retém diminuindo o volume da enxurrada, as águas, com a finalidade de me poder servir delas. Nessas ocasiões, interrogo  o caudal; e, destarte, pergunto se me está destinada alguma tarefa especial para estancar o vozeirão, e o seu cachoar sugere, como se de uma pítia, se tratasse: o que está escrito, está, e nada o altera.
Todo o ser tem um destino a cumprir. O teu pode não ser o mais fácil, pode até ser a amargura no mais profundo significado do sentimento contido, sujeita a todos os vilipêndios e traições, mas não hesites em cumprir a tua missão até ao fim. O meu caudal também ninguém o sustém ou pára. E nem tu, com a madriga consegues sustê-lo, pois o meu destino é o mar. Só o mar o acolhe; é ele o que absorve o meu destino, e o recebe na abundância; e, pela razão de que é grande, aceita toda a dor, e paga a dor com a tranqüilidade final. Contudo, não esqueças, o mesmo mar agita-se de quando em vez com a má formação e a imperfeição da crosta terrestre, e castiga-a com maremotos, os quais vitimam indiscrimina, e aleatoriamentemente, os seus habitantes usufrutuários.
E concluo, no fundo, tudo é precário com um destino implacável a cumprir, e tem de ser cumprido... Todos se cumprirão na morte e na transformação. Pois, de tudo isso, resulta que Deus está de fora e ao lado dessas vicissitudes.
Ele está, isso sim, dentro de nós, se O soubermos fazer  diariamente no Seu cumprimento mais puro.
 
Daniel Cristal

Publicação: www.paralerepensar.com.br  28/03/2006