A casa dos grandes pensadores A casa dos grandes pensadores

| Home | Introdução | Autores | Construtor I Espaço do leitor | Fale conosco PubliqueBusca no site I

 

Seu títulPINK FLOYDo aqui

  Retornar
 
ÁLBUM: ATOM HEART MOTHER
If

If I were a swan, I'd be gone
If I were a train, I'd be late
And if I were a good man,
I'd talk with you more often than I do


If I were asleep, I could dream
If I were afraid, I could hide
If I go insane,
Please don't put your wires in my brain

If I were the moon, I'd be cool
If I were a rule, I would bend
If I were a good man,
I'd understand the spaces between friends

If I were alone, I would cry
And if I were with you, I'd be home and dry
And if I go insane,
Will you still let me join in the game?

If I were a swan, I'd be gone
If I were a train, I'd be late again
If I were a good man,
I'd talk with you more often than I do

Se  

Se eu fosse um cisne, teria partido
Se eu fosse um trem, estaria atrasado
E se eu fosse um bom homem
conversaria com você mais freqüentemente
Se eu fosse adormecer, poderia sonhar
Se eu ficasse com medo, poderia me esconder
Se eu ficar louco,
por favor, não toque no meu cérebro
Se eu fosse lua, eu seria lua nova
Se eu fosse uma lei, eu seria desobedecida
Se eu fosse um bom homem
compreenderia os espaços entre os amigos
Se eu estivesse sozinho, choraria
E se eu estivesse com você estaria em casa e seco
E se eu ficasse louco
você ainda me deixaria participar do jogo?
Se eu fosse um cisne, teria partido
Se eu fosse um trem, estaria atrasado outra vez
Se eu fosse um bom homem
conversaria com você mais freqüentemente


 

Summer '68

 

Would you like to say something before you leave ?
Perhaps you'd care to state exactly how you feel
We said goodbye before we said hello
I hardly even like you, I shouldn't care at all
We met just six hours ago, the music was too loud
From your bed I gained a day and lost a bloody year
And I would like to know how do you feel
How do you feel ?

Not a single word was said, delights still without fears
Occasinally you showed a smile but what was the need
I felt the cold far too soon - the wind of ninety-five
My friends are lying in the sun, I wish that I was there
Tomorrow brings another town, another girl like you
Have you time before you leave to greet another man?
Just you let me know how do you feel
How do you feel ?

Goodbye to you ...
Charlotte Pringle's due
I've had enough for one day

Verão de 1968

 

Você gostaria de dizer algo antes de partir ?
Talvez fosse importante falar exatamente como se sente
Nós falamos adeus antes de dizer olá
Eu nem mesmo gosto de você, não deveria me importar,
Nos conhecemos apenas a seis horas atrás, a música estava alta demais
Na sua cama ganhei um dia e perdi um maldito ano
E eu gostaria de saber, como você se sente
Como você se sente?

Nem uma única palavra foi dita, veio o prazer sem o medo
Ocasionalmente você exibia um sorriso, mas qual era a necessidade disso?
Senti a sua frieza muito cedo, como nos ventos de 1895.
Meus amigos estão deitados ao sol. Queria estar lá
O amanhã traz uma outra cidade, uma outra garota como você
Você tem tempo para receber outro homem antes de partir?
Apenas me deixe saber como você se sente
Como você se sente?

Adeus para você
Devido a Charlotte Pringle,
Tive o bastante por um dia



Fat Old Sun

 

When that fat old sun in the sky is falling
Summer evening birds are calling
Summer sunday time the year
The sound of music in my ears
Distant bells, new mown grass smells so sweet
By the river holding hands
roll me up and lay me down

And if you see don't make a sound,
Pick your feet up off the ground
And if you hear as the warm night falls,
A silver sound from a time so strange,
Sing to me, sing to me...

When that fat old sun in the sky is falling
Summer evening birds are calling
Children's laughter in my ears
The last sunlight disappears

And if you see don't make a sound,
Pick your feet up off the ground
And if you hear as the warm night falls,
A silver sound from a time so strange,
Sing to me, sing to me...

O Gordo e Velho Sol

 

Enquanto o velho e gordo sol no céu está caindo
Pássaros vespertinos estão cantando
Em um dia ensolarado do verão
O som de música vem aos meus ouvidos
Ouço sinos distantes, sinto o doce aroma de grama recém cortada
Sou envolvido pelo encanto do riacho
E me deito

E se você sentar fique quieto
E cruze as pernas
E se prestar atenção no manso anoitecer,
O som precioso de um tempo estranho,
Cante para mim, cante para mim...

Enquanto o velho e gordo sol no céu está caindo
Pássaros vespertinos estão cantando
Ouvindo as risadas das crianças,
O último raio de sol desaparece

E se você sentar fique quieto
E cruze as pernas
E se prestar atenção no manso anoitecer,
O som precioso de um tempo estranho,
Cante para mim, cante para mim.

Índice

Retornar