Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Débora C. Andrade de Araújo
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Crônica
 
Queira bem ao que te faz bem
Por: Débora C. Andrade de Araújo

É interessante como coisas acontecem para mudar tudo o que de uma forma ou de outra se encontra estável. E por mais que hoje você tenha convicções, é inevitável que tais coisas comecem a martelar em sua cabeça. Ainda que você se lamente, não pretende voltar atrás, afinal não trocaria de forma alguma o certo pelo duvidoso. Mas, será mesmo que você lamenta? Ou será que no fundo agradece pelo desenlace dessa história? Visto que: "Se não foi, não era pra ser." Ou não?
As indagações te abraçam, as dúvidas te acorrentam. Como seria se 'ele' houvesse declarado-se antes do seu atual namoro? Se ele houvesse notado você, ou percebido antes o que sentia, seria melhor para você? Presumo que não. Para tudo o que acontece há um propósito, não é por acaso. Então, se hoje você é feliz ao lado de alguém, não deve deixar que as dúvidas te atormentem. Porém, se sabe que não o ama suficientemente para abrir mão das dúvidas, realmente não vale à pena prosseguir. Tentar pode ser uma possibilidade, mas só tente se houver alguma esperança, ainda que mínima. Caso contrário, magoar será inevitável. Você já deve ter ouvido por diversas vezes a seguinte frase: "Pense antes de agir.", e, sem querer cair em um clichê, mas caindo, repito-a. Nada lhe custa, e arrependimentos poderão ser evitados.
Quanto a desapegar-nos do que não nos faz bem, é o melhor a fazer, queira bem ao que te faz bem. O que te traz paz, o que te faz sorrir, o que te inspira amor.
Isso, podemos empregar em todos os âmbitos da nossa vida. Se não te traz felicidade, porque permitir o apego? Desprenda-se. Abra mão do dinheiro se ele te faz ganancioso ao extremo, a ponto de pisar em qualquer um. Renuncie o poder se ele te corrompe, se suga os teus valores. Solte-se do álcool se ele te consome, e te transforma em algo diferente do que você anela.
Permita-se fazer escolhas que não estão envolvidas por interesses, que não comprometam a tua essência. Elas, te darão bons frutos, te farão alguém melhor, moldarão a tua vida.

Débora Andrade

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: TAOK (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.