A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Crônica
 
BUNDAS SACOLEJANTES
Por: MÁRCIA DEBRASSI

Se pararmos por um minuto e pensarmos o quanto é triste e deplorável a cultura implantada em nosso país e o quanto nós, cidadãos, cooperamos para que isso permaneça dessa maneira.

É tão fácil e tão simples ter fama e sucesso na mídia, basta ter um corpo escultural, uma bunda empinada, seios fartos (de acordo com a quantidade de silicone aplicada) e uma boa cabeça.

Oppa!!! Boa cabeça? Ah, isso é dispensável, é indiferente se a moça tem grande quantidade de massa cinzenta e inteligência invejável, ou ainda um amendoim no lugar do cérebro, pois é a bunda que rege até aonde ela vai chegar.

Estava eu aqui, em minha cama, ralando como digitadora profissional que sou, para complementar minha renda mensal (já que não se pode contar apenas com o vergonhoso salário mínimo estipulado para uma grande maioria) quando me questionei: “Porque não tenho uma bunda avantajada e seios turbinados pelo silicone???” Mas, será que eu aceitaria ter a cabeça oca???

Acho que não, não me vejo nessa situação, posso ser uma, dentre muitos ou poucos, que ainda acreditam no valor maior, na verdadeira cultura, no saber e no pensar como forma de ganhar a vida.

Infelizmente, a cada dia se promovem mais e mais bundas recheadas de nada, corpos esculturais e inacessíveis para aqueles mortais que ficam extasiados em frente ao televisor!!! E fica a pergunta: “Quantos novos escritores, pessoas de opinião, críticos capazes de tocar fundo a mente daqueles que, por um acaso os leem??” “Quantos seguidores tem no twitter uma pessoa que escreve e transforma, comparadas com aquelas que sacolejam suas bundas???”

O sujeito rala, rala e rala, acorda de madrugada para ir trabalhar e posta em seu twitter: “São cinco da manhã, saindo de casa para mais um dia de trabalho!” E recebe de seu pequeno número de seguidores apenas um “Azar é o seu!” “Quem manda não ter estudado!” e por aí vai...

A guria acorda as dez, e antes de qualquer coisa posta em seu twitter: “Genteeee, acabei de acordar, soninho gostoso! Daqui a pouco vou para a praia curtir um pouco!!!” e rapidinho começam os posts: “Humm, delícia, daqui a pouco vou lá!!!”; “Aaaai, se fosse minha...”, “Gostosura, vai parar a avenida!”; “Vai com que biquíni???” e mais um monte de asneiras e futilidades que nem é preciso relatar.

É triste, mas é a realidade... O valor das pessoas não é medido pela inteligência e capacidade de transformar, de mudar a realidade, de atrair para si pessoas pensantes; Sim, somos todos seres pensantes e capazes só que, a grande maioria, prefere ficar paralisada em frente ao televisor (agora com imagem em HD) assistindo, babando, e fazendo sei lá mais o quê, diante de uma tela cada vez maior, que consegue dar ibope utilizando apenas “bundas sacolejantes”.

Márcia Debrassi

 Comente este texto


Comentário (2)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: QQNP (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.