A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Poema
 
Para não morrer o amor em todos os corações
Por: Rosalina Herai

Ele é tudo para mim
Toca com o brilho do sol meu despertar
O quarto fica colorido, dourado
E me ponho a sonhar
Sonhar com contas de fadas

Viajo no surreal
Com os olhos semi-cerrados
Sinto-me flutuar de alegria
Num lugar onde apenas a felicidade existe
Real é este mundo

Moro onde anjos moram
Moro onde a dor jamais existiu
Onde o belo enfeita tudo
Onde a harmonia dá o tom

Corpos leves cheios de ternura
É um mundo surreal bem sei
Onde todos flutuam numa paz infinita
Num amor eterno

Lá a palavra amor tem sentido amplo-é viva
A caricia é sentida no mais profundo do ser
E lá o brilho do sol está a aquecer
A vontade de viver

Cortinas não existem
Nada tem fim naquelas planícies
Os céus estrelados revelam mistérios
E os mistérios vão dentro do ser

Há uma renda de mapas a serem explorados
um cartaz pregado:"Eu te amo."
Os alicerces abraçam-se
Fortes sustentam dois universos formando um só

Um vento forte, um trovão, uma escuridão
E o lado negro cobre o sol criando trevas
Um susto... do inferno vem vozes chorando sua incredulidade:
-O amor não existe!

A paz é tão grande nestes corpos
Que a fé destrói a escuridão
Eu te amo se faz ouvir
Toca o real unindo-o ao infinito, aos corações

Rosalina Herai






 Comente este texto
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: CYbf (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.