A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Albertino Fernandes Neto
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poesia
 
TATEANDO
Por: Albertino Fernandes Neto

Quando nas manhãs, em meu seio não te encontro,
Por deixares assim, depressa vazio este leito,
Com dores as vontades, estremecem-me a alma
Acelera-me disforme, o coração neste peito.

Tateando ao encontro, velozmente me lanço,
Buscando sôfrego, ouvir tua voz,
Desejando teu corpo, apanhar bons-bocados,
Aninhar-me a ti, acobertar-te em lençóis.

E sem achar-te me vou, pleno de angustia e de ânsia,
Destruindo o presente, que só me faz maldizer,
Por não ver-te em futuro, e não ter-te no agora,
Nesta loucura inclemente, a desagregar este ser.

Albertino Fernandes (Pensa-me)

www.paralerepensar.com.br

 Comente este texto


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: SEdD (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.