A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Haroldo Pereira Barboza
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Esporte
 
Mulheres dão aula de futebol
Por: Haroldo Pereira Barboza

Modelo para os “cracks”
A final feminina de futebol do PAN2015 no Canadá, Brasil 4 x 0 Colômbia, deveria servir de modelo para a turma masculina que atualmente vem praticando um futebol de baixa qualidade. O grupo feminino liderado pela “Formiga” (mais de 35 anos) que corre mais do que coelho, demonstrou superação em todos os itens que buscamos observar numa partida de futebol.
Solidariedade e empenho: quando uma adversária pegava a bola, pelo menos duas jogadoras do Brasil cercavam e atacavam a rival até tomar a bola.
Preparo físico e vontade de ganhar: mesmo após o terceiro gol depois dos 30 minutos do segundo tempo, continuaram atacando em busca de mais um gol, ao contrário dos marmanjos que se acomodam e ficam “tocando a bola” para fazer o tempo passar e dar sono nos expectadores.
Humildade e respeito: apesar do amplo domínio durante TODA a partida, nossas atletas não fizeram firulas individuais (balão, letra, calcanhar) para menosprezar a adversária impotente. Sempre buscaram as jogadas simples em busca da possibilidade de chutar em direção à baliza das oponentes.
Produtividade: como a bola sempre foi tocada para o ataque, conseguimos 18 chutes: 4 entraram, 3 bateram nas traves, 5 foram defendidas pela goleira e uma 6 passaram direto para a linha de fundo. As colombianas chegaram ao ataque apenas 4 vezes. E somente numa oportunidade tiveram chance de marcar o gol de honra.
Que este vídeo https://www.youtube.com/watch?v=9nZTvq9yao8 (um resumo) sirva aos técnicos para ajudar na mudança de mentalidade de nossos rapazes. Caso contrário, num próximo encontro com a Alemanha o placar poderá ser superior a 7 x 1.

Haroldo P. Barboza

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: PCfH (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.