A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Zélia Mendonça Chamusca
•Publicações
•Perfil
•Comente este texto
 
Poesia
 
A Luz Perdida Jamais Encontrada
Por: Zélia Mendonça Chamusca



Quantas vezes já morri de saudade
na escuridão da luz celeste ausente…
Não nasceu o sol e não há claridade
na ausência da cor já nunca presente…

Nos dias amortalhados que a alma sente,
não renasce a luz por breves momentos,
morrendo também comigo a luz, ciente
dum coração estilhaçado em fragmentos.

Da luz perdida jamais encontrada
já nada mais resta senão a lembrança
da glória que foi, agora, já passada…

Passa breve a vida, tão efémera é.
Mas, não devemos perder a esperança;
p’ra morte vencer é preciso fé!
«»
Zélia Chamusca

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: ZWAK (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.