A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco | CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Humor
 
O Dia dos Namorados e as rosas
Por: Marlene A. Torrigo

Dia dos namorados, de repente um florista carregando um admirável ramalhete de rosas vermelhas da Colombia, procura por Marlene no Posto de Enfermagem onde eu trabalho. Nossa, por pouco não caí dura. Até que enfim o Roberto Carlos lembrara que o espero há cinquenta longos anos. Fora sim o Roberto que mas enviara. Eu ia exclamar, sou eu, já ameaçando agarrar o ramalhete com todos os abraços possíveis, mas daí, num flash de sensatez, pensei na nova integrante da equipe, minha xará. Assim perguntei, Marlene do quê? Marlene Não Sei das Quantas, respostou-me ele. Realmente, Marlene Não Sei das Quantas não sou eu. Eu sou a Torrigo, como algumas pessoas me chamam. Tive que me conformar e babar de invejinha vendo a outra Marlene receber as imensas rosas enviadas pelo marido apaixonadíssimo. Quem sabe no Dia dos Namorados do ano que vem, quem sabe. Sinceramente Roberto, se liga more. Sabe quantos aninhos eu tenho? Sabe quantos aninhos você tem? Então...

Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: QWVg (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.