Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poesia
 
MINHAS TRISTEZAS
Por: ANTONIO CARNIATO FILHO



A lua levanta no campo aberto,
Com clarão luminoso de figurações
Vagas, iluminando minhas ilusões,
Que andam silenciosas pelo deserto.

No alto, o céu inspira revelações,
Ocultas dos astros no tempo certo,
Esperançosas, caminham minhas ilusões,
A procura de um abrigo no deserto.

Anda acima das minhas tristezas,
Um reflexo de luz sobre os mares,
Molhando a dor de meus pesares,
Com mil estrelas de belezas.

Não há mais melodia nos cantares,
Deixa o desencanto e as asperezas,
Deus que deu ao céu os luminares,
Quis arrancar a dor de minhas tristezas,
Com um reflexo da lua sobre os mares.

ANTONIO CARNIATO FILHO – 13/08/2017

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: WTDW (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.