Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Artigo
 
SE NOSSAS VOZES NÃO ECOAM, ESCREVAMOS
Por: Tolentino e Silva

Quando o texto é bom e o tema é de interesse público, a gente elogia e aplaude. Hoje (28/11/2017), tive o prazer de ler o texto do amigo escritor José Joaquim Santos Silva, que escreve para o site paralerepensar.com.br, do meu amigo Albertino Fernandes Neto, sob título “A MEMÓRIA POLÍTICA CURTA DOS BRASILEIROS”. Notei, através do maravilhoso trabalho, que JJ conhece a história e acompanha a vida política brasileira, esse caldeirão efervescente que inquieta a sociedade. Eu, por ter morado e trabalhado em Brasília, de 1962 a 2014, não estranhava e continuo não estranhando o mau comportamento daqueles que desde sempre desonram a Pátria e quebram, jogam na lama, todos os princípios éticos de um ser humano. Como servidor público, trabalhei ao lado do CN e PP. Era triste, conhecer as peças do xadrez e perder todas as partidas. Cheguei à triste conclusão de que, enquanto houver imunidade parlamentar, foro privilegiado e um STF omisso, que não faz o que deveria fazer, negligente, tudo será em vão, pois, mãos atadas não atacarão, pés cansados não andarão e bocas lacradas não falarão e quando falarem, essas falas não ecoarão.
Dois parágrafos da CF de 88 separam Brasília das demais unidades da Federação:
1º - “Todo poder emana do povo...”
(Nunca, o povo foi soberano e sim, vassalo).

5º - “Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes...”
(Jamais houve igualdade neste país chamado Brasil, nossos direitos são violados, principalmente agora e milhares de vidas são ceifadas diuturnamente – segurança (milionária) só para bandidos e corruptos).

A nossa contribuição está no que escrevemos, na divulgação dos fatos, da conscientização.

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: ITDU (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.