Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 

E-mail:
Senha
       
        Cadastre-se
Esqueci minha senha
Homepage
Pensadores
Lazer e informação
Citações
Textos Fantásticos
Poemando
Provérbios
Estatuto do poeta
Peão diz cada uma!
Bíblicos
Contos e poemas de Natal
Básico de violão
Livrarias
Informática
Artes
Jornais
Revistas
Música
Televisão
Infantil

MUSIPOEMA

MUSIPOEMA
A HISTÓRIA DO ROCK IN ROLL
SER MÃE
AMIGO É...
AMAR É...
 

 

Busca

 
 
 

 

 
Poesia
 
O CANTO DOS MALDITOS
Por: Guto del Blanco

O canto dos malditos
( Guto del Blanco )

já não me importa
e nem a você
nem a eles
nem a ninguém...

Eles querem Deuses , Anjos , Demônios
para não serem eles mesmos
ou terem a quem apedrejar
santificar
comparar
os próprios valores...eles querem grana
ou a falta dela ...
para se perpetuarem na escala insana de
ódios recatados contra si mesmo...

Já não interessa...quem foi
quem fui
quem é

não entregue ao mundo sua reputação....

boa

ou de conversão

A rede é a mesma...

auto-comando para matar
saciar
escarnecer
sem precisar se olhar...ou olhar ...ou ....não olhar


Insano
Insano
Insano

Metade deles irá sossegar
só com aniquilamento mútuo
e a outra metade da metade....
morta
pela metade da metade sobrevivente
irão em falsos brindes amáveis
armarem ciladas uns aos outros....

e um dia
você percebe
que foi melhor morrer
no primeiro tiro....
não esperando o segundo o terceiro ou o duodécimo disparo.....

Você será um maldito
seja rico , pobre
bom , mal
limpo
feio
sujo
lindo

Você será sempre um maldito
em algum canto da aldeia ....

quando tudo isso acontecer
seja um fantasma
um zumbi
vampiro
ou
o nada do tudo....

antes que os verdadeiros bandidos
se tornem os heróis arrazoados
e façam de você
um inimigo de si mesmo...

do que acredita
do que busca
ou do que está sempre construindo...
e as suas verdadeiras veredas
sejam aniquiladas pelos
pelos lacaios
da metade da metade....

então ...

nesse momento ...

Tu serás um mito
uma lenda
um semi -deus....por apenas
seguir
o amor vertido
numa também " maldita "
cruz.....


 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: OHMZ (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.