A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Walquiria Rocha Machado
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Conto
 
Mais um pouco de você...
Por: Walquiria Rocha Machado

Chovia lá fora... os pingos fortes ao som de trovoadas, faziam barulho ao longe em meio ao nosso silêncio... o frescor da água caindo incessantemente sobre os telhados nos convidava a sentir o frescor da nossa pele e o palpitar dos nossos corações...

Olhares inquietos, mãos entrelaçadas, bocas coladas e um sentimento intenso e febril nos envolvia com o passar dos minutos. O vento fresco que entrava pela varanda não era suficiente para refrescar nossos corpos e gelar nossos corações... um calor incomum chegava devagarinho e ascendia uma fagulha, tentando levantar um fogo feroz entre nós, sem nos dar trégua.

De repente um encantamento nos envolveu e nos atirou um nos braços do outro sem se importar com o barulho da chuva e com o entardecer da noite... entre o barulho e o silêncio uma ternura imensa acontecia entre nós... você me fez atravessar paisagens que eu não sabia, e alcançar estrelas que eu não conhecia...

Precisava ter uma razão para seguir adiante, precisava ter um motivo para amar outra vez, e assim fiz. Você me permitiu sonhar e conseguiu me fazer viver o hoje sonhando com o amanhã, você me fez acreditar na felicidade e me trouxe um pouquinho dela a cada encontro...

Agora o meu desejo é a cada noite dormir acompanhada do seu cheiro e sentir que você também dorme acompanhado do meu... quero acreditar que todas as estrelas do céu, brilharão dentro de você durante o sono e a lua majestosa ficará de olhos abertos não deixando nenhum pensamento triste te envolver e te deixar melancólico, e ao amanhecer os pássaros cantarão em sua janela te brindando com o bater das asas e querendo te mostrar que basta tão pouco para sermos felizes...

Lembra da chuva na varanda? então ela parou de mansinho e foi se transformando em gotas suaves querendo te dizer: hora de voltar para casa! e você voltou...

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: OaPB (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.