A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Crônica
 
Os 10 mandamentos
Por: amauri valim

Os dez mandamentos (bíblicos) são uma ética consensual para a moral na religiosidade e para a sociedade, esses mandamentos produzem os vícios da humanidade, são princípios encontrados em livros sagrados e são amplamente debatidos em reuniões semanais redigidos por quaisquer com poder da falácia e o mínimo de liderança sobre indivíduos predispostos e suscetíveis.
Richard Dawkins, (p. 274) sugere novos dez mandamentos encontrados em uma pagina de ateísmo da internet. Vejamos:

1 - Não faça aos outros, aquilo que não quer que façam com você.
2 - Em todas as coisas façam de tudo para não provocar o mal.
3 - Trate os outros seres humanos, as outras criaturas e o mundo em geral com amor, honestidade, fidelidade e respeito.
4 - Não ignore o mal nem evite administrar a justiça, mas sempre esteja disposto a perdoar erros que tenham sido reconhecidos por livre e espontânea vontade e lamentados com honestidade.
5 - Viva a vida com um sentimento de alegria e deslumbramento.
6 - Sempre tente aprender algo de novo.
7 - Ponha todas as coisas à prova; sempre compare suas ideias com os fatos, e esteja disposto a descartar mesmo a crença mais cara se ela não se adequar a eles.
8 - Jamais se autocensure ou fuja da dissidência; sempre respeite o direito dos outros de discordar de você.
9 - Crie opiniões independentes com base em seu próprio raciocínio e em sua experiência; não se permita ser dirigido pelos outros.
10 - Questione tudo.
A doutrinação humana (dos filhos) pode conotar desdém ao modo e pensar em si mesmos, de avaliar situações de discordâncias, podendo causar sufocamento a potencialidade de resiliência. A evolução é evidente, mas a escravização da mente é milenar porque há na doutrinação uma norma eclesiástica (hereditária) para a conduta de vida humana. Qualquer prova apresentada contra a ética dos mandamentos ou contra os efeitos da moral que elas produzem, devam, no entanto ser dizimadas, mesmo que sejam estudadas e que ainda apresentem evidências, pois, faz-se necessário para então promover o contínuo dessa moral.

A. Valim

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: DaDd (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.