A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

José-Augusto de Carvalho
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Sonetos
 
TEMPO DE SORTILÉGIO * Na queda
Por: José-Augusto de Carvalho


Sem rede ou outra protecção --- a queda!
No circo, o povo aplaude, delirante!
O pão e o circo, em Roma, por bastante!
A negação por si mesma leveda!

Com Ceres, haja pão, vindima e vinho!
Com Baco, venha, trágico, o delírio!
Com César, haja arenas de martírio!
Que a perdição se cumpra por caminho!

Saturno, indiferente, o tempo mede.
O livre arbítrio é doutra dimensão
e condição, parcela doutra soma…

O bárbaro não pode e fraco cede…
Sem tempo, arenas, circo, vinho e pão
o império glorificam --- Viva Roma!



José-Augusto de Carvalho
2 de Janeiro de 2019.
Alentejo * Portugal

 Comente este texto
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: JEcR (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.