A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Trova
 
deixou-se morrer...
Por: Natalia

o coração é como um berço
que vai embalando a saudade
amo a vida e até me esqueço
que a morte é uma realidade

faz tempo q' o coração abria
pronto, pronto a desabrochar
passava o tempo e a fobia
era em teu coração morar

grande, a paixão se perdeu
agora coração tão cansado
amor q' no peito adormeceu
a morte dum sonho calado

é um velho piano sem dono
este coração que ainda bate
do amor ficou ao abandono
que venha a morte e o mate

assim vai escondendo a dor
deixou de reclamar mas dói
dá-se à lembrança do amor
e um sopro é tempo que foi

natalia nuno
rosafogo

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: KCcg (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.