A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Resenha
 
Para cinéfilos
Por: Marlene Nascimento

Recentemente assisti dois ótimos filmes baseados na vida real (pela Netflix). Um é apropriado para os amantes de literatura. O outro para os amantes de ciências exatas. Os dois são para cinéfilos que apreciam grandes enredos. Segue-se sucinta sinopse dos filmes.

O MESTRE DOS GÊNIOS

Ambientado antes e após a Primeira Guerra, o filme conta a história da amizade acontecida entre o escritor desconhecido Thomas Wolfe e o renomado editor Max Perkins, que vê no jovem escritor um grande talento, alçando-o ao mesmo nível de outros dínamos da literatura mundial, como F. Scott Fitzgerald e Ernest Hemingway, publicados por ele próprio. Mas Thomas, que teve seu primeiro romance recusado por todas as editoras para as quais enviou seus manuscritos antes que chegasse às mãos de Max, era um jovem tenso, intenso, vibrante, dono de um coração em chamas e de uma personalidade muito difícil de lidar. Max Perkins fez dele um sucesso. Com a fama Thomas sofreu uma reviravolta emocional. O fim comove.

O HOMEM QUE VIU O INFINITO

O filme começa no início do século XX e conta a história do indiano Srinivasa Ramanujan, possuidor de um talento excepcional para a matemática. Muito religioso, ele reconhece o seu dom como presente dos deuses indianos. Em sua tentativa de ver os seus cálculos matemáticos publicados, ele, ajudado por seu guia espiritual, envia uma carta acrescida de equações para um professor, Hardy, do Trinity College, na Inglaterra. Srinivasa recebe uma carta resposta para que viaje até ao universidade. Pobre, com uma vida conturbada, não foi fácil para ele deixar os amores da sua vida, mãe e esposa. Na universidade inglesa Srinivasa sofre com o choque cultural. É hostilizado, por ser vegetariano sofre com alimentação, adoece com o clima muito frio e sofre bullying amiúde. Seus colegas e professores invejam sua inteligência com os números. Hardy, seu mestre e mentor britânico, impressionado com o jovem gênio, desdobra-se em ajudá-lo e protegê-lo de todo assédio. O final é dramático. Quase um século depois da morte do matemático, seus misteriosos teoremas vem sendo comprovados e também aplicados no desenvolvimento de computadores, na economia e no estudo de buracos negros.

 Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: ZZXc (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.