A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Poema
 
na sombra do sonho
Por: Natalia

na sombra do sonho...

é num adejar de pomba
que a vida se some
e neste rosário de palavras
a saudade me consome
e é assim até ao testemunho da aurora
quando a noite me entorpece o pensar
e o sono não chega na hora
posso sentir a quietação da terra
e é como uma teia de amor que tudo envolve
vou escrevendo, meus dedos são asas de beija-flor
sobem muros os meus sonhos
e a vida parece ainda esperar por mim
com dias risonhos, e meu peito se expande
num bem estar sem fim...

tempo sem tempo,
faço das noites meus dias
e é lá que logo o sol regressa, trazendo
aromas à minha fonte e frutos às minhas mãos vazias
nestas horas despidas, ouço minha própria pulsação
a saudade percorre o meu sangue,
vai crescendo como uma sombra
e bate forte em meu coração

as palavras caem germinantes no papel
numa melodia constante até ao sossego
resvalam entre os dedos, esbeltas em cântaros de mel,
ali fica o meu desassossego, parte da minha vida
a extinguirem-se num sonho maior
a noite me olha e me despe
e num breve clamor de pavio
me leva à outra margem do rio.

natalia nuno
rosafogo

 Comente este texto
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: LceP (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.