A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Conto
 
para sempre
Por: Celso Roberto Nadilo

estou sozinho...
tantas vezes ouvi você falar,
mas, não tinha ninguém,
sobre tudo as paredes comprimem,
sou ainda selvagem
em momentos de liberdade,
encontro a verdade numa caverna,
as sombras que desejo
estão fora de controle,
ninguém imagina,
as fronteiras da fogueira queima seu desejo,
muito além do sentimento,
meus olhos atravessam mar de solidão,
mesmo assim sabendo que está amanhecendo,
espero mais um momento...
sobe a dor de ressentimentos
são tão selvagens quando já fui em algum
instante que desejei acorda ao seu lado,
nesse momento a fúria do meu coração.

 Comente este texto


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: bLXK (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.