A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Sonetos
 
SONETO XXXIII
Por: Vilma Oliveira

O sol da vida que me deu esse sonho
Bordado de estrelas ao anoitecer...
Fez-se serenado esse lânguido viver
Fez-se saudade esse amor tristonho!

O sol da vida que me deu essa luz
Centelha dourada da imaginação
Deu-me esse dom – flor da solidão
Deu-me esse manto, a fé e a cruz!

Recolho nas mãos banhadas de dor,
A última ilusão na Arca do amor...
Derradeira morada do meu coração;

No ventre da noite caiada de luzes,
Eu vi uma imagem entre as cruzes,
Refletir-se no espelho da minha visão!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: eRWF (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.