A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Infantil
 
O REFORMADINHO ENZO (EP 09) A IGREJA FECHADA
Por: Adão Fernandes


As crianças, de um modo geral, estão sempre querendo brincar.
Parecem incansáveis!
Com tanta disposição para a diversão, as vezes reclamam quando tem de parar de brincar para fazer outra coisa.
Com o reformadinho Enzo não é diferente. Se ele está brincando de bola ou no vídeo game, sempre reclama por ter de parar a brincadeira e ir tomar banho para ir a igreja com seus pais mas, quando chega lá, o sorriso volta ao seu rosto por encontrar seus amiguinhos, pelo culto ao Senhor, pelo cafezinho após o culto e lógico, pelas brincadeiras nos corredores da igreja.
Tudo acaba em brincadeira!
Tem uma coisa que o reformadinho nunca imaginou que poderia acontecer. Em um certo domingo ele não pôde ir a igreja porque ela estava fechada.
Um vírus respiratório se espalhou rapidamente pelo mundo contaminando milhares de pessoas e levando muitas a morte.
Esse acontecimento obrigou as pessoas a ficarem em suas casas para não serem contaminadas e foram fechados todos os locais de grande circulação de pessoas e entre esses locais estavam as igrejas.
No primeiro domingo, Enzo gostou de ficar em casa mas nos domingos seguintes ele já começou a sentir falta daquele ambiente que tanto lhe trás alegrias, afinal, desde recém nascido ele vai sempre a igreja.
Nesses dias de confinamento, Enzo percebeu algo diferente acontecendo.
No prédio onde mora, os vizinhos que mau se falam pelos corredores, começaram a se organizarem pelas redes sociais para que, toda noite as vinte e uma horas, todos saiam nas sacadas de seus apartamentos para juntos fazerem uma oração.
Pessoas que ele nunca ouviu falar sobre Deus, agora estavam buscando Nele, o alívio as suas aflições.
Algumas semanas depois, o vírus foi controlado e as pessoas puderam sair de suas casas e o comércio e as igrejas foram reabertos.
No domingo seguinte a reabertura das igrejas, o reformadinho Enzo não via a hora de ir tomar banho para ir a igreja rever seus amiguinhos e poder cultuar a Deus em Sua Casa de Oração.
Ao chegar a igreja ele percebeu que além de seus amiguinhos que ele sempre encontrava nos cultos, ele também encontrou lá alguns amiguinhos do prédio onde mora. Eles não costumam ir a igreja mas naquele domingo foram cultuar a Deus junto de seus pais.
A alegria do reformadinho Enzo foi ainda maior porque naquela noite haviam mais crianças para brincar pelos corredores da igreja após o culto.
Novamente tudo acabou em brincadeira!

Salmos 122: 1. Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do Senhor.

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: bHaG (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.