A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poema
 
ULTIMO POEMA
Por: Nelson de Medeiros



Um dia, quando chegares à laje
em que descanso,
não mudes teu meigo gesto,
tímido e manso...

Não chores, não lamentes,
E nem sinta ciúme...
Não te preocupes com as flores,
lembra só do seu perfume...

Não me busques ali,
Pois que ali não habito...
Na pedra úmida e fria
Algo haverá por certo escrito:

Ore apenas e, solitária na saudade,
Não digas nada;
Busca apenas entender o que fomos
na jornada...

Eu juro: Onde quer que estejamos
tudo ouvirei neste momento,
pois quem amou tal qual amamos,
basta apenas pensamento!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: ecUQ (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.