A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Luiza Helena Rodrigues
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poema
 
Espera
Por: Luiza Helena Rodrigues

Minha vida é uma espera infinita.
Esperando a chuva para aplacar o calor que desola a alma,
Esperando poder pisar no chão sem sentir dor,
Esperando, esperando, esperando.
`A espera de um sorriso no peito
`A espera de um encontro que me faça leve
`A espera de um alívio
De uma cabeça vazia.
Sem pensamentos,
Sem sofrimentos,
Sem nada.
O que me leva a ficar aqui?
O que me impede de ir?
Nada.
Mas eu continuo imóvel `a espera.
`A espera de mais um dia interminável,
De mais uma tarde insuportável,
De mais uma noite...
Vazias.
Vazia a alma, os dias, as noites,
Mas a cabeça não.
Essa não pára
E é ela, só a ela
Que eu desejaria um minuto de paz.
De trégua.
De um vazio profundo,
Que me levasse a descobrir pôr quê?
Porquê continuo aqui!

Nov/2019.

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: HCcA (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.