A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Odion de Oliveira Monte
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poema
 
MEU MANTO É VERDE, MAS MEU SANGUE É VERMELHO.
Por: Odion de Oliveira Monte

Nasci, e sou brasileiro, verde e amarelo por inteiro...
Vou à luta, nunca desisto, eu sou guerreiro...
O Brasil foi conquistado, mais eu o queria por inteiro...

A pé ou de barco, sou viajante...
Nem a garganta do diabo me amedronta, sou bandeirante...

Sou forte, vou à luta, esse é meu destino...
Nunca temo, e nem tenho medo, também sou nordestino...

A batalha eu venci, sou herdeiro de um bravo guerreiro...
Que com o chumbo e a serra, cortou a corrente de aço...
Este bravo herói é Plácido de Castro...
Por muito tempo as correntes nos prenderam...
Os que fingem ser Acreanos, e ainda se dizem brasileiros...

Mas como todo mal tem o seu fim...
Nesta terra de guerreiros nasceu Angelim...

Completo, sem temer a luta ou afeto...
A nossa vitória está formada, o nosso Rio e a nossa Estrela foi tinta...
Com o vermelho que corre em nossas veias e corações...
E serão eternos e sem fim...
Pois quem empunha a espada da vitória, é o lutador Angelim...

 Comente este texto
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: TdfE (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.