Seleção de Livros! Clique e confira.

A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco | CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

JOSE ROBERTO TAKEO ICHIHARA
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Jornalismo
 
MBL, Vem Pra Rua... Cadê vocês?
Por: JOSE ROBERTO TAKEO ICHIHARA

Ih! Parece que fomos enganados!


Quase seis meses após o afastamento definitivo da presidenta Dilma Rousseff, o que mudou para quem veria o fim dos desmandos, da corrupção e do protecionismo? Alguns meses antes, movidos pelas manifestações populares, a Câmara de Deputados afastou provisoriamente a ocupante do cargo. Segundo o Movimento Brasil Livre, só com a saída dela as coisas voltariam aos trilhos. Isso ganhou o reforço do Vem Pra Rua, com o Fora Dilma, e deu no que deu. Com o caminho livre e o Governo Federal isento de corruptos era só partir para o abraço. Por que não?
Mas apenas esses movimentos seriam insuficientes para que o objetivo fosse alcançado. Aí é que entra o poder de convencimento da mídia – Globo, Veja, Folha de São Paulo, IstoÉ e outras – para conscientizar e internalizar um novo projeto de país. Por outro lado, os vazamentos bombásticos sobre os integrantes do PT, a quadrilha que se apossou do Executivo, eram mais do que providenciais para consolidar a urgência na mente da população. Tudo foi meticulosamente planejado pelos que não se conformavam estar fora do poder. Será que era para mudar mesmo?
Ironicamente tudo que serviu para derrubar o PT é generosamente oferecido de bandeja pela seriíssima Operação Lava Jato. O atual presidente Temer foi citado várias vezes como beneficiado pelo esquema de corrupção. A maioria dos parlamentares, os que orgulhosamente afastaram a presidenta Dilma, também fazem parte da lista de envolvidos, o ex-presidente da Câmara de Deputados, o Eduardo Cunha, está preso... somente os tucanos estão soltos. O silêncio e a calmaria diante de tanto descalabro, até no Judiciário, não tem explicação. Por que?
Mas o que os cidadãos isentos de compromissos político-partidários, ainda bem que temos alguns, pouquíssimos, é verdade, não se cansam de questionar é o motivo de tanto silêncio e imobilidade diante do que se vê acontecer impunemente. Panelaço? Ninguém mais ouve! Fora corrupção? Para quê, se está tudo normal! Vem Pra Rua? O momento não exige mais isso! Que tal convocar a Dra. Janaína Paschoal, a ferrenha defensora da conduta ética e responsável na administração pública? Agora não precisamos disso... A banda podre do país já foi extirpada!
Diz um ditado popular que a pior coisa no comportamento maldoso é provar do próprio veneno. Quantos estão sentindo agora o que isso significa? Sem emprego, com a aposentadoria cada dia mais longe, condenados à insensibilidade dos serviços essenciais sob a gestão privada e obrigados a aceitarem a blindagem que fizeram contra todos os corruptos citados na Lava Jato que deram o golpe parlamentar. Se pudessem voltar atrás, provavelmente muitos agiriam de outra forma. O encanto acabou? Cadê o orgulho do patriotismo? Foram usados como boi de piranha!
Aos que esperam as prometidas melhorias deste governo golpista a decepção pode ser maior ainda. Empregos decentes por aqui? Dificilmente porque a ideia é contratar tudo no exterior, o tal do exportar a mão de obra. Voltaremos a ser subservientes às multinacionais que só querem lucrar por aqui e enviar o resultado às suas matrizes. Era isso que os manifestantes queriam? Qual nação faz isso com o seu povo e ainda é aplaudida? Os que foram usados para atender os interesses dos golpistas devem estar com vergonha de mostrar a cara. Aprenderam esta lição?
Os otimistas dizem que nunca é tarde para consertar o mal. Pode levar algum tempo, exige paciência e dedicação, mas tudo é possível. A sociedade brasileira está diante de um grande desafio. Vivemos uma crise política, fundamentalmente por causa da falta de moral, onde os que são indicados para resolver o problema estão longe de inspirar confiança por suas reputações manchadas por escândalos de corrupção. Mas o afastamento do PT não foi por este motivo? Será que não estamos insistindo pelo caminho errado? Ou as manifestações visavam outros objetivos?


J R Ichihara
11/02/2017

Comente este texto

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: JRSe (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.