A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Antuérpio Pettersen Filho
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Jornalismo
 
THE ECONOMIST, EL PAIS, LE MOND, ETC... : “SERIA BOLSONARO O DONALD TRUMP TROPICAL ?”
Por: Antuérpio Pettersen Filho

THE ECONOMIST, EL PAIS, LE MOND, ETC... : “SERIA BOLSONARO O DONALD TRUMP TROPICAL ?”
Por : Pettersen Filho
Nem bem desembarcaram cerca de cem blindados americanos, de segunda linha, desativados do USArmy, no Brasil, dias atrás, donativo do Tio Sam a uma das mais depauperadas Forças Armadas da América Latina, e, colocou a FAB cerca de 12 velhos aviões Mirage 2000, há mais de cinco anos sem voar, pouco depois de serem adquiridos por Lula da França, para que sejam desmontados como sucata, assim como o Porta Aviões São Paulo, antigo Falch Francês, também adquirido por Lula, à França, justamente quando um Capitão Reformado do Exército, Jair Messias Bolsonaro, ameaça ascender ao Poder, via Eleições Democráticas, com possibilidades de modificar esse quadro, imposto por contínuos Governos “ditos” Democráticos, que desmontaram o Brasil, Jornais do status do Economist, e outros, todos Anglo-saxões, Imperialistas, completamente interessados em ver o Brasil diminuído, estilhaçado, como ora, já assanham comparar Bolsonaro, em completo sarcasmo, a Donald Trump, o Tresloucado Presidente Americano, o que para nós, não é novidade nenhuma, mas simples maledicência, nada inocente, e proposital.

Detentor, na década de setenta e oitenta, das maiores indústrias bélicas do Mundo, Avibras, Engesa, Embraer e Inbel, formuladoras de tecnologia própria e exportadoras, com amplos reflexos na atividade econômica e engenharia civil, inclusive, essenciais a independência e soberania do Brasil, tais industrias, infelizmente, concorrentes da Boeing, Dessault e Brithsh Aerospace, foram desmanteladas ou privatizadas, num conjunto de desmonte do Parque Industrial brasileiro, e submissão do nosso Exército aos designíos internacionais, transformando o Brasil, nos últimos anos, em lacaio dos Mercados Internacionais, mero exportador de Minério e Soja, material sem elaboração ou mão de obra agregada, causando o atual desemprego, e dependência de Importações, que o The Time, The Economist, e outros, temerários, já enxergam, em Bolsonaro, se eleito, ver tal realidade mudar, dai o descrédito e a difamação, proposital, de compará-lo a Trump, num esforço ultimo de ver, no Brasil, a discórdia da Esquerda, a desmantelação da nossa Sociedade, Valores, Família e Cultura, prosperar.

Não é a toa, aliás, que o próprio Barack Obama, certa feita, não sei se por deboche, ou picardia, teria afirmado, no auge do Governo Lula “This is the Guy”, “Esse é o Cara”, apontando Lula, risível, no que, deu no que deu: Roubalheira, corrupção e Bilhões de Dollares de indenização da Petrobras às Bolsas Americanas, e falência do BNDES...
Portanto, quando assistirem um Roqueiro, da estirpe de Mick Jager, ou Sting, condenando ou se metendo na política brasileira, ou The New York Times: Desconfiem!!!
Mande que voltem para a ponta da sua agulha e, não esqueçam do seu LSD...
Enquanto isso, em Sete Lagoas/MG, uma Fabrica inteira de Blindados, Iveco, desenvolvidos pelo Exército, com peças de reposição e mão de obra brasileiros, está parada, vendo os Blindados americanos chegar,
Será coincidência !?
Bolsonaro Neles!!!

Antuérpio Pettersen Filho, membro da IWA – International Writers and Artists Association, é advogado militante e assessor jurídico da ABDIC – Associação Brasileira de Defesa do Individuo e da Cidadania, que ora escreve na qualidade de editor do periódico eletrônico “Jornal Grito do Cidadã”, sendo a atual crônica sua mera opinião pessoal, não significando necessariamente a posição da Associação, nem do assessor jurídico da ABDIC

 Comente este texto
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: EagK (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.