A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
Para alterar som de fundo clique F5: 

Mensagens de Natal e Boas Festas

Mais Mensagens

                                  

 

Publicações
Perfil
Comente este texto

 

Natal, Ano Novo e nós no terceiro milênio


Por: Marlene A. Torrigo


Passou-se uma década e meia após o Bug do Milênio, quando celebramos o ano 2000, iniciando assim o século XXI e o primeiro século do terceiro milênio.
Em quinze anos muitos fatos aconteceram. Antes da celebração de 2000, presumiu-se que aconteceria o Bug do Milênio, endoidecendo computadores ultra inteligentes, que recuariam um século, ocasionando um colapso mundial. A febre para salvar dados contaminou a todos, mas nada aconteceu.
Tragédias e fatalidades fizeram-se presentes em várias partes do mundo nesses quinze anos, a ressaltar o inimaginável ataque terrorista ao Word Trade Center, em 2001, que originou a Guerra ao Terrorismo, e em 2004, quando um tsunami gigantesco varreu a costa asiática um dia após o Natal, ceifando quase 300 mil vidas, estarrecendo o mundo, traumatizando todos que moram em cidades litorâneas.
Também confabulamos sobre o grande evento do fim do mundo, que aconteceria em 21 de dezembro de 2012, segundo profecia Maia. Nesse dia Mamãe Natureza sequer espirrou, graças! Ainda, para setembro de 2015, teóricos do fim do mundo anunciaram a colisão de um asteroide gigantesco contra a terra. Seria adeus a tudo que se move. A NASA desmentiu-os e, ainda bem não foi dessa vez, graça das graças!
No Brasil, o Cristo Redentor foi eleito uma das sete maravilhas do mundo moderno. Na política, a corrupção fumegou, borbulhou, aqueceu, ferveu, e alguns canalhas da nação foram encarcerados em celas cinco estrelas. Computadores e celulares invadiram os lares brasileiros. A liberdade de expressão via internet, tomou ares assustadores; preconceito, discriminação, racismo, intolerância religiosa, pornografia e pedofilia, ganharam força tremenda em redes sociais. Entretanto, mesmo sofrendo dolorosamente com as tragédias naturais e ambientais que nos enluta, a vida segue, ela sempre segue.
(*) Entramos no novo milênio perdendo a batalha contra o câncer, a ressaltar o câncer de mama, mas a Ciência Médica trava uma batalha hercúlea para a descoberta da cura dos diversos cânceres que vitimam fauna e flora. O tratamento convencional, quimioterapia e radioterapia, terrivelmente agressivo, está perdendo a vez para as drogas mais potentes, com menos efeitos colaterais. É um avanço e tanto. Bravos cientistas do bem que trabalham arduamente em prol de salvar a humanidade!
Mormente, sigamos cuidando de nós com menos exposição ao sol, escolhamos bem os alimentos, sejamos bípedes conscientes e caminhemos mais a pé, sejamos menos consumistas e usemos menos os favores da tecnologia. Que tal dar férias de vez em quando à parafernália eletroeletrônica e curtir lugares insólitos, exóticos, fantásticos? Que tal um banho na cachoeira mais próxima com a família? Wow! As criancinhas e as criançonas vão adorar! Sim, busquemos minimizar situações exacerbadas de estresse. Exercitemos o corpo, façamos exames periódicos para prevenção e/ou detecção de possíveis problemas de saúde, posto que não devemos desprezar a aparelhagem do nosso corpo.
Nostradamus profetizou que o vulcão Vesúvio entrará em erupção no final de 2015 e começo de 2016, arrasando Nápoles. Balela! Nostradamus era apenas um adivinho como outro qualquer. O que o colocou no ápice das atenções foi ter registrado as suas adivinhações de forma singular. Apostemos, isto sim, que a entrada no Novo Ano será auspiciosa para todos os povos da terra, sem violências, sem guerras, sem ditadores, carrascos, psicopatas e extremistas religiosos sangrando a nossa terra querida. Pondero que se possuíssemos varinhas mágicas poderíamos tocar o coração de pessoas ególatras e desumanas, com sua fome de sangue, ouro, poder. Assim teríamos o mundo com o qual sonhou um homem chamado Jesus de Nazaré, filho de Maria e José.
Demais, nos últimos minutos de 2015, prestemos homenagens aos que partiram para sempre. Pessoas morrem, mas bebezinhos nascem, animais procriam, sementes germinam, dando continuidade à vida. E, nos primeiros acordes de 2016, lembremo-nos de desejar paz ao mundo. Desejemos que a Terceira Guerra Mundial jamais aconteça. Ela seria nuclear e... É melhor nem discernir a esse respeito.
Finalizo, desejando a todos um Feliz Natal e um Novo Ano de sonhos realizados. Usufruam de muita saúde e pleno direito de viver uma vida bela.
(Republicação)

(*)http://super.abril.com.br/ciencia/cancer-a-humanidade-contra-ataca

 

306 - Leitura(s)
 Comentar

 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: VXXF (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.