A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
Para alterar som de fundo clique F5: 

Mensagens de Natal e Boas Festas

Mais Mensagens

                                  

 

Publicações
Perfil
Comente este texto

 

NATAL: TEMPO DE SIMPLICIDADE DE CORAÇÃO


Por: Valdir Sodré


NATAL: TEMPO DE SIMPLICIDADE DE CORAÇÃO
Valdir Sodré


Eis mais uma vez o Natal! Chegou o tempo para refletirmos sobre nossas vidas. Natal é tempo de simplicidade de coração, “porque a nossa glória é esta: o testemunho da nossa consciência, de que com simplicidade e sinceridade de Deus, não com sabedoria carnal, mas na graça de Deus, temos vivido no mundo, e de modo particular convosco” (2 Coríntios 1:12).

Natal é tempo de simplicidade de coração para pronunciarmos a virtude da humildade. Cora Coralina entoa em seu poema humildade toda a plenitude da vida simples nas palavras:

Senhor, fazei com que eu aceite
minha pobreza tal como sempre foi.
Que não sinta o que não tenho.
Não lamente o que podia ter
e se perdeu por caminhos errados
e nunca mais voltou.
Dai, Senhor, que minha humildade
seja como a chuva desejada
caindo mansa,
longa noite escura
numa terra sedenta
e num telhado velho.
Que eu possa agradecer a Vós,
minha cama estreita,
minhas coisinhas pobres,
minha casa de chão,
pedras e tábuas remontadas.
E ter sempre um feixe de lenha
debaixo do meu fogão de taipa,
e acender, eu mesma,
o fogo alegre da minha casa
na manhã de um novo dia que começa

Cristo nasceu na e da simplicidade. Fez-se homem, como filho de Deus evangelizando através de parábolas, que eram pequenas histórias para tornar mais simples os ensinamentos para as pessoas mais humildes. Na Bíblia encontramos diversas parábolas, como por exemplo, a do filho pródigo, a qual nos ensina que Deus sempre está pronto a nos perdoar. Como exemplo também a do Bom Samaritano, que nos ensina ter amor ao próximo. Todas com o intuito de busca da simplicidade do diálogo. É nessa atmosfera da simplicidade que rege o espírito do Natal.
Conscientes de que “tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu” (Eclesiastes 3:1), enchemos nossos corações de esperança, suavidade, sobriedade, alteridade e amor, sobretudo de amor ao próximo.

“Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor” (1João 4:8). É essa premissa simples que alimenta nosso espírito natalino. Eduquemos nosso olhar espiritual na condição de que a simplicidade seja a luz da celebração de mais um Natal.

Diante de um mundo contemporâneo que prega o individualismo naveguemos contra a maré para anunciarmos o aniversário de Cristo sob a égide do teor mais simples do diálogo. Pronunciar um Feliz Natal na simplicidade de coração é gesto mais genuíno que podemos desejar aos próximos para declarar a força do amor de Deus, que é infinito, confortante, sobrenatural e, sobretudo, simples.

Feliz Natal de coração simples!


 

251 - Leitura(s)
 Comentar
 

Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: fdJd (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.