A casa dos grandes pensadores
 
 
 
 

FERNANDA MOROSO

 

 

 

 
POEMA DO ERRO
Salve Cazuza!
 
Eu só quero escrever um poema
Que fale da minha indignação
Que cante aos miseráveis deste mundo
Sua falta de bom senso
Quero que maldigam seus comportamentos
Pra ver como eles se sentem
Já que nada sentem
Quando criticam os Poetas da nossa Terra.
 
Quero cantar as normas de cidadão exemplar
Enfatizar o que é certo e o que é errado
Quem vive na luz e o que vive em pecado
Já que sou modelo, eu posso falar. Eu sou exemplar!
 
Quero que me apontem qual é o erro maior
De viver em terra
Quero que me digam que vício é pior
Que a mente fraca e vazia,
E por que vivem em guerra.
 
Quero que se explodam em seus mundos pequenos e mesquinhos
Quero que continuem com suas revistas baratas
Que se percam nesta beleza cobiçada
Nesta falta do que ser e do que não ser
Neste antro de palavras soltas e de frases exageradas.
 
Fernanda Moroso
                      
Publicação: www.paralerepensar.com.brr 05/02/2009