A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poesia
 
Dói ser gente...
Por: Marlene Nascimento

Dói ser gente...
Mas que bom que a vida
nos ofereça tantos caminhos
bastando escolher um
a cada belo amanhecer e seguir
enveredando pelas alamedas
bailando conforme o interlúdio
orquestrado por suaves emoções.
Sigamos então
pelas veredas insólitas da vida
pelas sendas lúdicas do coração
mensurando valores
amando todos os amores.

Dói ser gente...
Mas por mais doridas que sejam
as nossas grandes dores
descubramos beleza nos seres
porque a vida é um belo poema.
A beleza de nascer transcende
toda a tragédia de morrer
e felicidade é presente do céu
quer mereçamos ou não.
Por mais que a vida se acabe
ela sempre continua
através de outras vidas
para que não nos faleçam os sonhos.

Dói ser gente...
Mas somos belos como passarinhos
em busca de ventos brandos
que direcione o nosso bater de asas
ao aconchego morno do amor.
Somos lindos e leves como plumas
bailando ao capricho do tempo
acariciados pelas mãos dos ventos.
E ainda temos as tépidas manhãs
temos as noites calientes
e temos flores, e amores, e sensações
e temos herança e muitos bens.
Temos bem mais do que precisamos
para aliviar a dor da gente.

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: cPAB (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.