A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Crônica
 
Cartinha ao Papai Noel
Por: Alexandre Misturini


Querido Papai Noel, neste Natal, gostaria de ganhar tanta coisa que não sei por onde começar. Vou tentar elaborar minha lista de presentes por prioridades. Espero que possa atender alguns dos meus pedidos. Primeiramente, gostaria que o Natal, que é uma data religiosa, fosse comemorado com um pouco menos de interesse comercial e ilusório por parte da mídia, em especial, a televisão. Se eles continuarem dizendo que todos nossos sonhos são possíveis, fico até com medo de que os sonhos dos nossos políticos se realizem, nem é bom pensar. Um segundo pedido... gostaria de pagar menos impostos, pois trabalhei mais de cem dias para pagá-los este ano, o que fez com que sobrasse pouco tempo e dinheiro, é claro, para a diversão e contemplação da minha própria vida. Meu próximo pedido é tanto quanto utópico, mas não custa tentar. Se for possível, em ano eleitoral proibir os discursos inflamados, mentirosos e cheios de promessas. Pois não aguento mais tanta mentira. Acredito que a democracia, este presente de grego,(apoio a democracia, mas às vezes tem um preço muito elevado), está acabando com a credibilidade de todos, inclusive a sua Papai Noel. É sim, lembro bem daquela bicicleta do Natal de 1985, que não veio até hoje, daquele videogame de 1992, e aquela namorada em 2003. Continuo anotando os meus pedidos que não foram atendidos. Na verdade não sei porque continuo escrevendo para você. Então vou trocar todos os meus pedidos anteriores por um só. Peço então que você aceite minha ideia e a ponha em prática. A partir deste Natal, desejaria que fossem erradicadas a fome e a miséria, para que todos possam alimentar dentro de si o sonho de um Natal verdadeiramente contemplativo e desprendido desta materialidade capitalista que acaba com o seu verdadeiro sentido. Eu sei que esta ideia é um tanto quanto utópica, mas como dizia Oscar Wilde : "Uma ideia que não é perigosa não merece ser chamada de ideia." . Feliz Natal para todos!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: KFXP (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.