A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Ensaio
 
ANJOS EXISTEM
Por: MARCIA CARVALHO

Anjos existem...
...Simples como o vento, forte como tempo, assim os vejo como um farol que ressurge no meio da escuridão. Luzes que acendem, vozes que inspiram, o tom que anima e brota algo no coração.
Anjos existem, trazendo calor para um coração de gelo, coração de pedra sem ter mais desvelo. O frio de uma noite louca, de uma louca pessoa que contempla a imensidão e frio que aquece o coração.
Muitas vezes perguntei, muitas vezes duvidei, mas agora acreditei, afinal anjos existem...
...Existem em forma de gente, em forma de luz, em forma de som, em forma de tom. Em minhas visões, contemplo lindos anjos, que se preocupam e cuidam de mim. Anjos que querem que eu viva, e viver hoje pra mim é querer, é lutar, é sofrer é amar é viver.
Luz do sol, que os anjos me trouxeram, possibilidades, traduzidas em incentivos de coisas que não mais lembrava no velho baú de minhas recordações. Talentos esquecidos, objetos escondidos, uma vida apagada e maquiada com uma ilusão de uma carreira marcada pela frieza tecnica de regras engessadas que nos tira muitas vezes o lado humano de ser. Os anjos me mostram, o verdadeiro valor, o verdadeiro poder de ver a vida com amor. Um choro de um lindo bebe, o cantar de um bem ti vi, o latido de um cão, amigo de todas as horas, a delicadeza do nascer de um novo dia e o cantar dos anjos no céu que fico a imaginar pedindo a todo momento que esses anjos cantem o teu cantar de anjo amigo, escondido e surgido do céu de um infinito som, de uma vida cheia de tudo e cheia de nada. Bendito os olhos desses anjos que iluminaram a escuridão do meu deserto, do meu vazio, da minha solidão. A aurora que retorna aos meus ouvidos sombrios, a voz que ressurge como o velho sonho de infancia, as maos macias e suaves desses anjos que tocam minha vida sem ao menos me tocar. Anjos que oferecem o que tem, de forma gratuita e sem interesses obscuros afinal, são anjos e anjos iluminados nesse mundo de mentira, cobrança e exploração. Esses anjos vieram, me tomaram pela mão, me oferecem a cada dia um auxilio para tirar de mim aquilo que não mais via, aquilo que não mais sentia e agora posso querer, posso buscar reviver, ressurgir, renascer e no final dessa noite fria e gélida, cujo coração foi aquecido pelas asas macias e quentes dos anjos de minha vida, afirmar o inaceitável e o incompreensível: Anjos existem.

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (6)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: UTNZ (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.