A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Regilene Rodrigues Neves
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poema
 
DESEJO
Por: Regilene Rodrigues Neves

Que pena que apenas o desejo
Sussurrou nos nossos corpos
E nossas almas afins
Não falou de amor...

Apenas ficou em seu silêncio
Guardado no peito
Enquanto mudos fizemos amor
Somente o desejo falou por nós...

Fomos amantes
Dividimos fantasias
Partilhamos segredos
Trocamos desejos...

Mas o amor contraditório
Em nossos corpos
Se declarou...

Nossos lábios
Silenciados por – beijos
Se deleitou de prazer
E a voz que ia falar de amor
Em nossas bocas se calou...

Ficamos assim por toda noite
Meu olhar preso no teu
E minha boca colada na tua
Murmúrios íntimos
Entre pernas e braços
E o amor nas paredes do coração confesso
Gritando o amor inconfesso...

Quis falar de amor,
Mas tuas mãos silenciaram
Qualquer pronuncia dos meus lábios
Quando meu corpo acariciou
Cheias de vontade me possuir

Ainda que o amor resistisse
Meu corpo se entregara aos caprichos da luxúria
E as palavras que diriam eu te amo!

Apenas suspiraram de desejo...

Em 06 de janeiro de 2009





 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: KMRB (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.