A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Poesia
 
Visão
Por: Marta Quirino

Visão
Deslizava o veleiro docemente...
Eu, solitária, no convés sonhava...
Era alta noite...dezembro...vinte e quatro...
O oceano à minha frente, aos raios do luar fosforeava...
Gemia o vento numa voz plangente...
Vinha do abismo uma harmonia cava.
Era tão grande o oceano...infinito...
E brandamente o veleiro nas ondas deslizava naquele 24 de dezembro.
Eu...entre o céu e o mar, sentia um misterioso espírito a pairar por sobre as coisas...
Como a regê-las...
Sentia algo na voz da ventania...
Na música das ondas do mar...
Na poesia calma das estrelas...
Estávamos eu e meus sentimentos...
Juntos ao grande coro do silêncio...
Dizendo mudo ao mundo o quanto era feliz aquele momento...
E o vento estacionado como que a espera da vida passar...
Por um instante, lembrei-me...
É Natal....

 Comente este texto



Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: HDXB (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.