A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Livingstone Pinheiro de Rezende
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poema
 
"Todas as mulheres do mundo".
Por: Livingstone Pinheiro de Rezende

Sem traumas, era pra ser só brinquedo.
Mas que medo,
Desses de pôr sombrancelhas em pé!
Porque não se revelou o já sabido segredo?
Enfim, não fui pra sempre, assim, homem dessa mulher?

Por que? Se ela anda no meio do mato?
E xinga, e briga e finge ciumes de mim?
Por que, se ela mente sorrindo num tom descarado?
Por que é que eu fui adorar essa rosa assim?

O cheiro e o beijo na boca não foram por ego
Nós somos o número áureo lá desde o começo
Erramos apenas por não perceber o tropeço
No amor que você me entrega e que também entrego.

Portanto, não vamos mentir, tá doendo demais
Saber que meus ais têm o eco no seu sentimento.
Ficar olhando o telefone, querendo dizer
Pro mundo, menina-mulher, amodoro você!




 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: VAIe (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.