A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poema
 
INDIFERENÇA
Por: Juber Neves da Silva

INDIFERENÇA

INDIFERENÇA

Oh Céus! Percebo esse fastio,
Por instinto,
No âmago desse labirinto,
Tornando-se doentio.

A companheira de outrora,
Esperança...
Abriu espaço, sem demora,
Para a indiferença.

Pressinto ser sina:
Esta realidade,
Que precisa desta vacina,
Para viver de verdade.

Não importa
O que seja,
E aonde esteja;
Anseio por abrir essa porta!

Juber Neves - 03/10/2015

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: RZEc (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.