A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poesia
 
REFLEXO MATERNO
Por: Marcos Costa Filho


Minha primeira infância,
então criança agitada,
na mais santa inocência
brincava na calçada.

Minha MÃE estava no portão,
no momento se colocava em dia
de qualquer novidade que ocorria
com a informante vizinha de plantão.

A conversa rolava e tão animadas,
levou ambas ficarem descuidadas.
Casa ao lado entreaberto o portão
e rápido, em disparada, saiu um cão.

Adulto, feroz e grandão
o policial se arremessou
direto na minha direção
e ao chão me derrubou.

Na barriga me abocanhou.
Minha MÃE numa rápida ação,
pelo lombo segurou o cão
e dentro do jardim o atirou.

O estado de ser MÃE lhe deu
naquele momento força tamanha.
Em seguida nos braços me acolheu.
Octogenário, lembro dela a façanha!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: YMDe (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.