A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Humor
 
O VELÓRIO
Por: Luiz Carlos Morete


O VELÓRIO


Não parecia um velório de tão animado que estava: sanfoneiro, viola caipira e mais doces, salgados guaraná e cerveja. Quem ia passando, ficava admirado e corriam perguntar o que era aquilo, parecia mais um carnaval.
- Foi vontade dele. Ele disse que não quer ver ninguém triste e sim alegre e festejando, foi o pedido que fez a sua companheira.
E a festa continuou sem hora prá acabar.
Nem viram quando ele entrou e ficou parado frente ao caixão. Sério e pensativo chamou atenção dos que estavam ali. Achegaram-se a ele e perguntaram:
- É parente dele?
- Não, só um grande amigo. Do que foi que ele morreu?
- Bebidas. Bebia muito. E olhe que já está a dois dias que não bebe!!!




13/02/2020

 Comente este texto



Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: UASD (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.