A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

 
Poesia
 
SANTO TÉDIO
Por: Guto del Blanco

Santo Tédio
( Guto del Blanco )

Eu fujo para a sala
eu corro para o quarto
não me olho na rua
pois tudo parece um espelho
e não existem
poções ou remédios
e o que restou para todos
é do domingo
o Santo Tédio
sem perigo na esquina
ou um vislumbre da menina
sem chopp ou canos
nem banda de rock

Na carona do Corona
nao existem poções ou remédios
e do Domingo de todo dia
so nos restou o Santo Tédio
o Santo Tédio , o Santo Tédio

Na carona do Corona
o Santo Tédio , o Santo Tédio...!!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (1)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: QELU (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.