A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

ANTONIO CARNIATO FILHO
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Sonetos
 
ALEI DO AMOR
Por: ANTONIO CARNIATO FILHO




Quando o amor acenar a sua frente,
Segui-o por caminhos sinuosos,
Paisagens, momentos afetuosos,
Debulha, expõe a luz da mente.

O amor faz a alma justificar,
Leva-te a sublimes aventuras,
Envolve com as asas de ternuras,
Assim acaricia, assim vai crucificar.

A lei do amor é própria, universal,
Não há juízes e não há tribunal,
Há só dois corações julgadores,

Que exigem infinita brancura,
Nada mais, amor puro que perdura,
Entre os sentimentos de amores.

ANTONIO CARNIATO FILHO, 07/02/2020

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: cLKI (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.