A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Antuérpio Pettersen Filho
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Poesia
 
O MERCADO CENTRAL Por : Pettersen Filho
Por: Antuérpio Pettersen Filho

O MERCADO CENTRAL
Por : Pettersen Filho

São cinco horas
Já começa o movimento
No Mercado Central
Falar demais pode ser
Um pecado fatal

Tem moleque roubando fruta
Na Quitanda da D. Mariana:
“Cuidado Seu Joaquim Português
Tão pondo a mão no seu pastel”

“Olha a ventania”
E a bolsa no chão
Foi levado um trocado:
“Olha pega Ladrão!”

São cinco horas
Já começa o movimento
No Mercado Central
Falar demais pode ser
Um pecado fatal

“Dê de comer a quem tem fome
Por favor, oh Madame!”
“Cuidado, olha o Rapa”
Foge na multidão
Aplica uma rasteira
Com o tabuleiro na mão

Amanhã tá na Feira
Trabalhando pelo pão.

(Extraído do poema “O Mercado Central” da Obra “Inconfidente Mineiro – Ilustrações & Poesias” de Antuérpio Pettersen Filho – Publicação Independente – 2002). Foto tomada no Cerimonial & Hostel Inconfidente Mineiro – Belo Horizonte - MG http://www.abdic.org.br/index.php/2384-o-mercado-central-por-pettersen-filho

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: CdFb (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.