A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 
Crônica
 
PARA ONDE VAI O PT
Por: Juarez Cruz

PARA ONDE VAI O PT
Nesta segunda feira(14/12) os baianos acordaram com a noticia de mais um escândalo de corrupção envolvendo alta cúpula do PT. A Polícia federal, atendendo á decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) deu andamento ás 6ª e 7ª fazes da Operação Faroeste, com o objetivo de desarticular um possível esquema de venda de decisões judiciais por juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, com o envolvimento do secretário de Segurança Pública da Bahia, Mauricio Teles Barbosa.
Nesta manhã foram cumpridos 36 mandados de busca e apreensão nas cidades de Salvador, Barreiras, Catu, e Ubaí, na Bahia e em Brasília(DF), assim como a determinação de prisão temporária de duas desembargadoras do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, mais a prisão do operador de um juiz, o afastamento do cargo e função de todos os servidores envolvidos nestas fases
São investigados por possíveis crimes de corrupção ativa e passiva, venda de decisões judiciais, lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico de influência. Entre os investigados está o secretário da Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa(o fala mansa), que ficará afastado por 180 dias do cargo afim de que não haja interferência deste nas investigações em curso. Os detentores de funções públicas foram proibidos de acessar as dependências dos respectivos órgãos.
O esquema criminoso foi criado por Adailton Maturino dos Santos, que passou a contar coma participação de magistrados que atuavam na legalização de terras griladas no Oeste do estado. A organização criminosa conta com laranjas e empresas para dissimular os benefícios obtidos ilicitamente. Há suspeitas de que a área objeto de grilagem supere os 360 mil hectares e o grupo envolvido tenha movimentado cifras bilionárias, inclusive com vendas de sentenças.
Vale ressaltar que uma das desembargadoras, Ligia Maria Ramos Cunha Lima, alvo de um dos mandados de prisão temporária, já foi homenageada na Assembleia Legislativa da Bahia(ALBA), em 22 de fevereiro de 2018, com a comenda Dois de Julho, maior honraria do Estado. Na ocasião, a magistrada comemorou a honraria e afirmou se sentir “agraciada por ser reconhecida pelo seu esforço e dedicação à magistratura durante décadas”, tremenda cara de pau. Além de Ligia, a desembargadora Ilona Marcia Reis também foi alvo de um mandado de prisão.
Este escândalo parece que não será o último envolvendo governos petista, alta cúpula governamental do partido que agora contou com a participação de desembargadores baianos. Neste novo imbróglio que envolveu o secretário de Segurança Pública Maurício Barbosa, titular da pasta há nove anos, homem de confiança dos governos petista da Bahia de Jaques Wagner(2006 a 2014) e Rui Costa(2014 a 2022), vai abri uma nova ferida na cúpula petista, que irá fazer sangrar e infectar muita gente graúda deste governo até que tudo seja esclarecido pela policia federal. Esta ferida alterará radicalmente os projetos futuros dos caciques petistas (Wagner e Rui) no estado e no âmbito federal, e certamente eles se tornarão as novas vidraças e alvos de seus adversários políticos na Bahia e no Brasil. O presidente Jair Bolsonaro(sem partido), ACM Neto(DEM-BA) e Ciro Gomes(PDT-CE), estão sorrindo em profusão.
Política no Brasil virou um grande negocio para parlamentares, governantes municipal, estadual e federal. Nossos políticos, em sua quase totalidade, parecem que não tem compromissos com a gestão honesta, proba da coisa pública e usam seus cargos ou mandatos pensando em se locupletarem no poder em detrimento do povo que confiou seu voto nele e não é beneficiado na medida certa, e para ajudá-los nessa governança promíscua, temos um sistema judiciário e Congresso omissos e coniventes com os acordos escusos que são feitos entre eles e em todo estrutura política montada para sugar os cofres públicos.
Os políticos não gostam do país e muito menos de seu povo. Eles só gostam deles e somente deles, estão inclusos ai os políticos da direita e da esquerda que tem como seu representante principal o Partido dos trabalhadores(PT) que, volta e meia, está envolvido em grandes escândalos de corrupção e agora mais este. A pergunta que não quer calar é a seguinte: Onde vai parar o PT que não se cansa de se envolver em mais um escândalo de corrupção, contrariando á pregação da ética e combate aos mal feitos, pelo menos até sua chegada ao poder em 2003, e agora não sai das páginas policiais.
O Brasil está fadado a ser controlado e saqueado por grupos de famílias tradicionais e isto vem acontecendo desde nossa colonização pelos portugueses, holandeses, ingleses, desde os tempos do império até os dias atuais. Um grande exemplo clássico desse controle, melhor dizendo, usurpação do poder, vem da família do deputado Bonifácio de Andrada(PSDB-MG), que está em seu décimo mandato consecutivo, descende de José de Bonifácio de Andrada e Silva(1763-1838), ex-ministro do Império conhecido como Patriarca da Independência. Como a família dos Andradas, outras famílias veem se revezando no poder político e econômico, se tornando verdadeiras monarquias regionais, formando um ciclo vicioso que controla os meios de produção, de comunicação, como rádio, TV e jornais em seus estados.
A cada eleição famílias como as do Andrada e Silva, do José Sarney(MA), Magalhães(BA), Neves(MG), Cunha Lima(PB), Maia(RJ), Richa(PR), Collor(AL), Jereissati(CE), Viana(BA), Renan(AL), Gomes(CE) e agora, o mais novo clã no poder, família Bolsonaro(RJ), vão se perpetuando e são representados, invariavelmente, por homens brancos e ricos, que ludibriam a boa fé do povo com falsas promessas de mudança, da “nova política”, de nova governança e nada acontece. São sempre os mesmos a ocuparem o comando do país com práticas antigas de governar que vão da corrupção á partilha da estrutura do Estado entre eles e assim vão se revezando a cada quatro anos, mantendo o povo ignorante para que possam se perpetuar no poder e não aparece ninguém para virar essa página de nossa história, ninguém.
O PT que parecia a salvação da lavoura, pelo menos até 2002, infelizmente foi contaminado pelo vírus da corrupção quando chegou ao poder em 2003 e se tornou igual a todos os outros. Enfim, para onde vai o PT quando não mais houver um político honesto no partido e sua militância para apoia-lo?

Juarez Cruz
Escritor e cronista
[email protected]
Salvador-BA

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: PPQO (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.