A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Antuérpio Pettersen Filho
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Jornalismo
 
PREFEITO PERSEGUE ASSOCIAÇÃO...
Por: Antuérpio Pettersen Filho

JOÃO COSER : PREFEITO DE VITÓRIA PERSEGUE ASSOCIAÇÃO...

Por : Pettersen Filho

Muita água, com certeza, passou por debaixo da Ponte da Passagem, em Vitória/ES, desde que o atual Prefeito de Vitória, João Coser, do PT – Partido dos Trabalhadores era um mero “Militante” do que viria a se tornar, mais tarde, o Partido, há cerca de vinte anos atrás, quando podia ser visto, aguerridamente, no Planalto de Carapina, Bairro do Município da Serra, comendo um pão-com-salame, e outro, enquanto fazia as vezes de humilde Líder Classista, em um “Pequeno Escritório”, ao lado do Banco Bradesco.
Hoje, um abastardo Morador das Margens do Canal de Camburi, em uma vistosa Casa, em Jardim da Penha, com extenso gramado e churrasqueira, pela qual se pode chegar de Iate, via Canal Invadido, Prefeito em final de segundo mandato, João Coser, arrogante e pretensioso, sequer se lembra mais daquele “Jovem Idealista”, que um dia foi, e de o quanto são importantes as Instituições Públicas, às vezes, modestas, em seu inicio, como o foi o próprio PT, no mais das vezes único Instrumento de que pode lançar mão o Cidadão menos assistido contra um Governante Truculento e Déspota.
Assim é que João Coser vem se postando, pelo menos, relativo à ABDIC – Associação Brasileira de Defesa do Indivíduo e da Cidadania, Instituição voltada a Defesa do Consumidor, a Liberdade de Expressão e a Ampla Defesa, conforme dispõe seu Estatuto, devidamente registrado no Cartório Cível Sarlo, Livro A-42, possuidora de Personalidade Jurídica – Sociedade Civil Sem Fins Lucrativos, CNPJ 08.104.046/0001-62, concebida com apego ao Artigo 8º da Constituição Federal que admite a qualquer Cidadão Brasileiro o Direito de Associar-se, Sindicalizar-se, ou não fazê-lo, independente do Crivo ou da Admissão do Governo, quem, nesse caso, o Prefeito de Vitória, e tão somente ele, João Coser, através dos seus Asseclas, vem negando a ABDIC, ao incluí-la, essa semana, segundo Notificações recebidas em nossa Sede, na Divida Ativa do Município por supostas “Multas” exaradas por sua Fiscalização devido a alegada “Falta” de Alvará de Licença e Localização por parte da Associação, autuadas sob números 29719/2010 e 29720/2010.
Caminhando, aparentemente, na Contra-mão da sua própria Biografia, a exemplo do que foi um dia o PT, mera “Agremiação” de Trabalhadores, “Trincheira Última” de que podia se valer o Operário, diante da Ditadura Militar e dos Forte Aparato da FIESP, João Coser vem tentando negar a ABDIC o “Direito de Existir”, para tanto, utilizando-se dos mesmos estratagemas que tanto repudiou nos “Governos de Direita”, qual seja, por exemplo, ao enviar, com toda brutalidade e arrogância, a sua Fiscalização à nossa Sede, em busca de suposto Alvará, embora sabedor de que, como Associação Assistencialista, sequer somos obrigados a Contribuir com tal Tributo, sendo-nos dispensada a tal Formalidade, ainda assim, insiste o Prefeito em sua sanha repressora.
Pautasse-se a Administração Pública Municipal por Princípios Democráticos, poderíamos até admitir a lisura do Prefeito, mas, não, quando, ao sermos “Multados”, a época, exercemos o nosso Direito de Defesa, e recorremos das tais “Multas”, ora inclusas na Divida Ativa, como suposta Obrigação, quando, na verdade, noticia alguma tivemos dos nossos Recursos, nem deferidos, nem indeferidos, dos quais nunca fomos Notificados, a não ser agora, da inclusão na Divida Ativa.
Vislumbra-se na “Ação” do Prefeito, fria e deliberada, uma requentada tentativa de impedir que a ABDIC, eventualmente, se habilite para quaisquer “Recursos” Públicos, ou “Repasses”, do Tipo “Projeto Legislativo”, tão comuns a tantas Ongs no Brasil, geralmente de finalidade duvidosa, e destinados a lavagem de dinheiro, o famoso “Caixa 2”, que tanto renega a ABDIC ( Veja Matéria http://www.abdic.org.br/direito_direto.htm 2008), já que não se utiliza de Recurso de “F... da P...” nenhum, mas, mantêm-se por seus próprios meios, sendo, portanto, tal “Lançamento” ou “Manobra”, inócua.
Na verdade, parece-nos, que o incomodo do Prefeito Coser é relativo a atuação da ABDIC, no que concerne a sua Iniciativa de Ofertar Empregos, gratuitamente, em sua página na Internet, diretamente ao Mercado e Empresas, sem que seja necessário a “Assistência” ou “Intermediação” da Prefeitura no processo ( Veja Matéria http://www.abdic.org.br/abdic_cria_plano.htm 2009), ou, vislumbra-se que, há um certo desdenho, por parte do Administrador, quanto a atuação da Associação no encaminhamento de Ações na Justiça, diante de muitas ocorrências em razão da Defesa do Consumidor, que não encontram respaldo, eventualmente, no seu Procon Municipal http://www.abdic.org.br/procon_quem_procurar.htm 2009 ).
Ademais, desafeto da Liberdade de Expressão, o Prefeito (http://www.abdic.org.br/ai5_vitoria_joacoser.htm 2009), quem, contraditoriamente, de um lado, imputa Ilegalidade a ABDIC, de outro lado, não deixa de convida-la, nos últimos tempos, para todos os “Eventos Municipais”, a exemplo do Repasse de verbas pelo Governador Paulo Hartung, para a Estação de Bombeamento Portinari ( Veja Matéria http://www.abdic.org.br/paulo_hartung_gove_es.htm 2008), ou o Lançamento do Centro de Média Complexidade, no antigo Hotel Príncipe ( Veja Matéria http://www.abdic.org.br/jose_carlos_lirio.htm 2008), para as quais seu Gabinete nos convidou, mas, eventos de que sempre estivemos ausentes, até porque temos várias Ações na Justiça contra a atual Administração, a exemplo de Ação Popular contra Invasão do Canal de Camburi pela Comunidade Helênica do Espírito Santo (http://www.abdic.org.br/carlos_mazzoco_arquivador.htm 2010 ) ou da Ação Popular contra a Obra da Sede da Petrobrás, em Vitória (http://www.abdic.org.br/pb_politica.htm 2007), além de outros questionamentos contra o Prefeito João Coser, assim como a atuação da sua Guarda Civil Municipal, armada, em ações de Polícia Ostensiva e/ou Judiciária, que não é ( http://www.abdic.org.br/guarda_munic.htm 2008 ), culminando, até, em Representação no TRE – Tribunal Regional Eleitoral contra o Prefeito por suposta “Utilização da Maquina Pública” nas ultimas eleições (http://www.abdic.org.br/eleicoes_mini_maquina_publica.htm 2008), nunca dirimida.
Assim é que é a ABDIC: “Luta e Cidadania” pra Coser nenhum botar defeito !
Aliás, que me perdoem os “Legalistas”, mas, esse é um “Dinheirinho” que o Senhor Coser jamais verá!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: FXYe (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP sera enviado junto com a mensagem.