A casa dos grandes pensadores

Bem-vindo ao site dos pensadores!!!

| Principal |  Autores | Construtor |Textos | Fale conosco CadastroBusca no site |Termos de uso | Ajuda |
 
 
 

 

Antuérpio Pettersen Filho
Publicações
Perfil
Comente este texto
 
Jornalismo
 
URNA ELETRÔNICA : VOCÊ CONFIA NELA ?
Por: Antuérpio Pettersen Filho

URNA ELETRÔNICA : VOCÊ CONFIA NELA ?
Por : Pettersen Filho
Maior Democracia do Planeta, pelo menos, nos últimos duzentos anos, possuindo quase meio bilhão de eleitores, maior potência militar, e econômica, do Mundo, os EUA, voto a voto, ainda contam as suas rudimentares cédulas de votação em papel, a despeito de possuírem tecnologia interplanetária, haver levado o Homem à Lua, tamanha a importância do exercício do voto para a Cidadania, sequer adotam a Urna Eletrônica, como a Brasileira, a exemplo do que também fazem democracias tradicionais da Europa, Inglaterra, Alemanha, França e Itália.

Encerradas há mais de uma semana a Votação entre Trump x Biden, postas em duvidas as Eleições Presidenciais nos EUA, debruçam-se os partidários de Trump, cédula a cédula, ávidos em conferir os votos procedidos, relutantes em entregar o Poder ao eventual vencedor, nesse caso, Biden, manobra que somente é possível no caso do voto impresso, ali, na urna depositado, coisa que a Urna Eletrônica brasileira não permite, posto que software, junta e mistura votos, apresentando tão somente um Boletim de Urna final, remetendo a questão a tecnólogos e cientistas, algoritmos e hakers, tornando o processo eleitoral brasileiro uma espécie de videogame, de valor e resultado duvidável, se não, antidemocrático, posto que retira do Ato Público de votar, embora secreto, quanto a sua necessária apuração, algo distante do Povo e da vontade popular de auditar, fiscalizar, em apoio à própria Democracia, nesse caso, suprimida.

Seriam então as Urnas Eletrônicas tupiniquins algo menos do que o famoso Jeitinho brasileiro, que nos obriga a todos confiar no Tribunal Superior Eleitoral e em Mortais Homens Togados ?

Justiça não se presume, se faz, de forma transparente, universal e pública, é isso que se espera do TSE, via necessário Voto Impresso:
Publique-se. Registre-se. Intime-se!

 Comente este texto
 Paralerepensar


Comentário (0)

Deixe um comentário

Seu nome (obrigatório) (mínimo 3, máximo 255 caracteres) (checked.gif Lembrar)
Seu email (obrigatório) ( não será publicado)
Seu comentário (obrigatório) (mínimo 3, máximo 5000 caracteres)
 
Insira abaixo as letras que aparecem ao lado: DKBK (obrigatório e sensível. Utilize letras maiúsculas e minúsculas;)
 
Não envie mensagem ofensiva e procure manter um intercâmbio saudável com o seu correspondente, que com certeza busca dar o melhor de si naquilo que faz.
Seu IP será enviado junto com a mensagem.